Tudo o que você precisa saber sobre clareamento dental!

Quem nunca quis ter os dentes branquinhos? Atualmente esse desejo é possível de ser alcançado com a técnica de clareamento dental, porém é necessário tomar alguns cuidados. Veja abaixo algumas curiosidades sobre esse tratamento:


Qualquer pessoa pode fazer clareamento dental?

O clareamento dental pode ser feito a partir dos 16 anos de idade e depende das condições bucais do paciente. O primeiro passo é um exame de saúde bucal, que avaliará se existem obstáculos temporários para o clareamento, como gengivite e cáries. Caso existam, é preciso tratar esses problemas, para depois realizar o clareamento dental.


Bicarbonato de sódio ajuda a clarear os dentes?

O bicarbonato de sódio é um abrasivo que consegue remover manchas superficiais do esmalte dos dentes, mas não tem capacidade de mudar a tonalidade, pois não chega até as camadas mais profundas do dente, onde o clareamento profissional atua alterando a tonalidade. Além disso, justamente por ser abrasivo, ele não é indicado para uso caseiro pois pode causar danos ao esmalte e ao cemento dentário (tecido que recobre as raízes dos dentes).


O clareamento dental feito em consultório é mais eficaz do que aquele realizado em casa, com o uso de moldeiras e supervisão do dentista?

Ambos são igualmente eficazes nos resultados. A diferença é que o clareamento em consultório oferece algumas vantagens, como mais segurança, agilidade nos resultados e maior controle da sensibilidade. Isso porque o produto utilizado em consultório é mais concentrado, o que agiliza o processo de clareamento. Além disso, o dentista aplica uma barreira protetora para isolar a gengiva e as raízes que estejam expostas e protegê-las do produto, ajudando a controlar melhor a sensibilidade.


Quem faz clareamento dental não pode beber ou consumir alimentos com muito corante, como café e vinho?

Deve-se evitar o consumo excessivo de produtos com muito corante durante o tratamento, mas não é preciso deixar de consumi-los. No entanto, reduzir o consumo de bebidas cítricas e refrigerantes nesse período é importante porque a acidez dessas bebidas aumenta a sensibilidade durante o tratamento.


O clareamento dental sensibiliza os dentes?

Pode ocorrer, mas não é uma regra, varia de paciente para paciente. Os efeitos adversos mais comuns são irritação na gengiva e sensibilidade, ambos passageiros. A intensidade desses efeitos depende não apenas da sensibilidade do paciente, mas também da concentração do produto e do tempo de uso.


Tratamentos para clarear os dentes prejudicam a estrutura dental?

Não, desde que o dente seja saudável, sem doenças como cáries ou restaurações infiltradas, que podem fazer com que o produto clareador chegue próximo à polpa do dente, gerando uma sensibilidade exacerbada. Por isso é tão importante tratar eventuais problemas e deixar a saúde bucal em dia antes de realizar o clareamento dental.


Todas as restaurações já existentes precisam ser trocadas após o clareamento?

Não necessariamente, apenas aquelas que afetarem a estética por ficarem em uma tonalidade diferente.


Se você tem o sonho de ter os dentes branquinhos, venha nos visitar! Agende já a sua consulta!

#dicasClinicaInova



0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
logo whats 2.png